No dia 07 de março, no espaço CIVI-CO aconteceu o evento Cannabis Thinking.

Com o objetivo de promover interação entre profissionais da área e interessados na categoria, o evento teve diversos momentos de troca e aprendizagem que geraram discussões inteligentes sobre o futuro do mercado e novas possibilidades através de startups voltadas para o setor.

Encabeçado por Marcel Grecco, Alex Lucena e Marcelo de Vita, CEO’s da The Green Hub – primeira aceleradora no Brasil de startups ligadas à Cannabis – o evento contou com a participação especial do ex-Presidente da República Fernando Henrique Cardoso que falou sobre importância do combate às drogas não ser feito por meio de repressões e sua favorabilidade a uma regulamentação de medicamentos à base de Cannabis. Também contou com palestras de profissionais renomados, como:

Luciana Guimarães – Empreendedora Endeavor à frente do grupo Almah e da Float Brasil com
iniciativas no segmento da saúde que visam a melhoria da qualidade de vida dos pacientes.

 

Emílio Figueiredo – Advogado conceituado no setor e membro da diretoria executiva da Rede Reforma.

 

Patrícia Villela Marino – Bacharel em Direito pela UPM e presidente do Instituto Humanitas360.

 

Stevens Rehen – Professor titular da UFRJ e cientista colaborador do IDor (Instituto D’Or de Pesquisa e Ensino).

 

Pedro Antônio Pierro Neto – Médico especialista no segmento de dor e no uso da planta medicinal (participação por vídeo conferência) .

 

Diego Perez – Sócio fundador da SMU investimento.

 

Das atividades imersivas promovidas em parceria com o Estúdio Nômade – Hub de consultoria em inovação e desenvolvimento de novos negócios – surgiram e foram aprimoradas novas ideias de jovens startups que, com o auxílio da TGH irão desenvolver seus projetos no setor da Cannabis, são elas:

 

  • CEC (Centro de Excelência Canabinóide) – Primeira start-up investida pela  The Green Hub. Trata-se do primeiro centro de excelência especializado na medicina canabinóide. A inauguração da clínica modelo está prevista para maio, em São Paulo.

 

  • Remedin & Receita Digital – Solução conjunta para integração: MÉDICO – PACIENTE – FARMÁCIA.

 

  • Cannapag- Internet Banking voltado para o setor da Cannabis.

 

  • TRIA – Plataforma para armazenamento, gestão e compartilhamento de informações pessoais de saúde.

 

  • BioBureau – Biotecnologia com foco em Cannabis – Floresta Digital.

 

  • GenecoinBlockchain para Biodiversidade: Rastreabilidade da plantação à prateleira das farmácias.

 

  • Interchains – Blockchain e IoT (Internet das Coisas), produção, garantia de origem e plantas certificadas digitalmente.

 

  • BudBuds – Marketplace de ligação dos diferentes atores na cadeia da Cannabis. Big Data.

 

  • Rubian – Tecnologia de extração até o desenvolvimento de produtos vindos da natureza.

 

  • Comply Solutions – Monitoramento e controle de estoque de plantas em real time.
  • Laborvida – Linha de produção de medicamentos do insumo à embalagem.

 

  • Hempions – Cannabis Industrial, empresa austríaca chega ao Brasil com sua coleção de moda utilizando fibra de cânhamo.

 

  • Jamba Estúdios – Projeto educacional inovador, mudança de cultura e produção de conteúdo em formato lúdico para multiplataformas.

 

  • Linha Cannabica: Um aplicativo que registra e monitora com precisão a interação humana com a cannabis medicinal.

 

A The Green Hub tem como objetivo principal ser um HUB de pesquisa, educação e conexão entre empreendedores inovadores, do setor corporativo, academia, associações civis, governo e investidores, desenvolvendo um ecossistema de criatividade e inovação para o mercado da Cannabis.